Página inicial / Bonito / Roteiro de 8 dias em Bonito

Roteiro de 8 dias em Bonito

Atrativo mais visitado de Bonito, possui um algo de água muito azul dentro de uma caverna.

Acabamos de voltar da nossa tão esperada viagem para Bonito!!!

Foram oito dias na cidade, cheios de atividades maravilhosas e paisagens de encher os olhos! Neste post falaremos sobre como organizamos nosso roteiro e também algumas dicas de logística.

Fizemos as mais variadas atividades: flutuações, grutas, cachoeiras e até atividades de aventura.

Em Bonito é preciso agendar os passeios com antecedência por meio das agências de turismo da cidade. Nesta viagem contamos com a Águas Turismo, que cuidou de tudo para nós. A agência fica dentro do Hotel Águas de Bonito, onde nos hospedamos, o que é bem prático. Aliás, fomos muito bem tratados, tanto pelo pessoal da agência, quanto do hotel e recomendamos ambos.

O hotel tem uma baita estrutura e ainda oferece um lanche à tarde, a Merenda Pantaneira, que nos salvava quando chegávamos dos passeios.

Hotel Àguas de Bonito, uma excelente opção de hospedagem em Bonito (MS).

Hotel Águas de Bonito

Aos poucos vamos fazer artigos detalhados sobre os atrativos e aí vamos colocando os links aqui. Então, fiquem ligados e assinem nossa newsletter, no final no artigo, para receber as novidades no seu e-mail.

Vamos ao roteiro?

Dia 1

Nesse dia chegaríamos às 13h30 e o plano era ir para o hotel descansar, quem sabe pegar uma piscina, e ir à noite ao Projeto Jiboia. Só que as coisas não saíram como esperado e chegamos somente às 22h. É por isso que você deve ler:

Porque não recomendamos o voo direto da Azul de Campinas para Bonito

Mas já vou comentar sobre o Projeto aqui, já que era aqui que ele entrou no roteiro original.

O Projeto Jiboia é uma ótima maneira de acabar com o medo, muitas vezes infundado, de cobras! O Henrique, idealizador e diretor, explica tudo isso em uma apresentação de, aproximadamente, 90 minutos, o tempo todo com uma cobra no pescoço. No final, todo mundo pode tirar uma foto com uma jiboia.

O Projeto Jiboia fica em Bonito (MS) e é uma ótima maneira de acabar com o medo, muitas vezes infundado, de cobras!

Dia 2

Acordamos cedinho para o nosso passeio na Estância Mimosa. Nesse dia, fomos de transporte compartilhado, com a empresa EK Turismo. Na Estância fizemos trilha em meio à mata e conhecemos várias cachoeiras.

A Estãncia Mimosa é uma propriedade particular localizada a 25 km de Bonito e aberta ao ecoturismo, com cachoeiras, cavalgada e observação de pássaros.

Estância Mimosa

Almoçamos por lá uma comida deliciosa e finalizamos com sobremesas com um sabor indescritível. Tinha até pudim de doce de leite, uma verdadeira perdição. Às 14h45 o motorista chegou para nos levar de volta para a cidade.

Chegamos ao hotel um pouco antes da 16h e ainda deu tempo de comer a Merenda Pantaneira e descansar antes de sairmos para outro programa: a Taboa Fábrica de Encantos, onde é produzida a cachaça mais famosa da região. Fica bem pertinho do hotel e fomos a pé.

Na Taboa Fábrica de Encantos, em Bonito, é contada a história dessa cachaça, que é superfamosa na região e é feita com mel, canela, guaraná em pó e ervas.

20 cachaças para experimentar na Taboa Fábrica de Encantos

Acabada a visita fomos a pé até a rua principal da cidade, onde jantamos no Taboa Bar. Atendimento simpático, pratos deliciosos e algo curioso e peculiar: todo mundo pode escrever nas mesas, cadeiras, chão e paredes.

Dia 3

Foi o dia mais intenso. Às 7h a van da EK Turismo nos pegou no hotel. A primeira parada foi nas Grutas de São Miguel.

Nas Grutas de São Miguel, em Bonito,, a variedade de espeleotemas, como estalagmites, estalactites, colunas e corais, deixam o visitante de boca aberta.

Grutas de São Miguel

Emendamos com a Gruta do Lago Azul, que fica próxima. Este é o atrativo mais visitado de Bonito.

Atrativo mais visitado de Bonito, possui um algo de água muito azul dentro de uma caverna.

Gruta do Lago Azul

Chegamos ao hotel às 12h20 e às 13h outro motorista foi nos pegar para o passeio seguinte, que foi a primeira flutuação que fizemos: a Nascente Azul. (Como foi corrido o intervalo entre nossa chegada das grutas e a saída para a flutuação, pedimos um sanduíche no hotel e fomos comendo no caminho.)

É a mais curta dentre as flutuações de Bonito, mas não é menos interessante. Como o rio é bem tranquilo e o percurso dentro dele é de apenas 300 metros, é recomendada para crianças e para quem não tem muita experiência com água.

Toda a etapa dura cerca de 2h30 (entre trilha, colocação de roupa, explicações, treinamento, flutuação e retorno para a sede da Nascente Azul), mas dá para passar o dia lá, pois há balneário com caiaque, tirolesa e outras atividades.

É a mais curta dentre as flutuações de Bonito, mas não é menos interessante. Como o rio é bem tranquilo e o percurso dentre dele é de apenas 300 metros, é recomendada para crianças e para quem não tem muita experiência com água.

Nascente Azul

Para irmos à Nascente Azul contratamos um motorista privado, pois não havia transporte compartilhado disponível para o dia. Como foi a agência que olhou isso para nós, acabamos nos esquecendo de anotar o valor certinho, pois pagamos junto com outras despesas, mas foi algo em torno de R$ 150,00. Ele nos pegou no hotel às 13h e ficou esperando até nossa atividade acabar, por volta das 16h30, nos levando de volta para o hotel. Deixo aqui seu contato para quem precisar: Vanderlei, telefone (67) 9649-1379. 

Tomamos banho rapidinho e pedimos um táxi, que nos cobrou 20 reais para nos levar até o Projeto Jiboia, que foi reagendado. Acabou tarde, por volta das 21h30 e conseguimos uma carona até o centro, onde jantamos no Vício da Gula, que tem lanches e caldos. Maravilhoso!

Dia 4

Com o transporte compartilhado da EK Turismo, fomos para o município de Jardim visitar o Buraco das Araras. Trata-se de uma dolina, um enorme buraco, onde habitam dezenas de casais de araras. Dependendo da sorte do grupo, você pode ver um espetáculo visual e auditivo, com muitas aves em revoada – nós fomos privilegiados!

O Buraco das Araras, em Bonito, é um passeio leve e contemplativo! Trata-se de uma dolina, um enorme buraco, onde habitam dezenas de casais de araras.

Buraco das Araras

Depois, fomos para o Recanto Ecológico Rio da Prata, ali perto, para fazer flutuação. O horário do nosso grupo era às 11h e o almoço é só depois da atividade, então, se você for fazer essa dobradinha Buraco das Araras + Rio da Prata, leve lanche na bolsa. A gente já sabia disso, pois o pessoal da Águas Turismo nos informou, então entre um passeio e outro fizemos uma boquinha.

A flutuação no Rio da Prata é mais extensa das flutuações de Bonito: são, aproximadamente, 2 quilômetros dentro do rio, mais uns bons metros de caminhada.

Rio da Prata

Finalizado o passeio, por volta das 15h30, fomos almoçar. A comida estava deliciosa e quentinha. Pode ficar despreocupado porque a cozinha continua produzindo comida nova durante a tarde toda.

À noite, fomos jantar no Juanita, o restaurante número 1 de Bonito, pelo Tripadvisor. E é realmente excepcional!

Dia 5

Voltamos ao Recanto Ecológico Rio da Prata com a EK Transportes, mas, dessa vez, para conhecermos a Lagoa Misteriosa, atrativo que só funciona de meados de maio a meados de outubro. Fizemos flutuação, mas também é possível fazer mergulho com cilindro.

A Lagoa Misteriosa, em Bonito, funciona de meados de maio a meados de outubro. É possível fazer flutuação ou mergulho com cilindro.

Lagoa Misteriosa

Aqui fica uma dica: como nós fomos de transporte compartilhado, teríamos que esperar todo o grupo terminar suas atividades. Alguns fariam Lagoa Misteriosa + Rio da Prata e outros Buraco das Araras + Lagoa Misteriosa ou Rio da Prata, mas sempre terminando mais tarde, como foi com a gente no dia anterior.

Cientes disso, já tínhamos pensado em almoçar e dar uma volta na fazenda, conhecendo a horta, o minhocário e outros espaços, e depois tirando uma soneca no redário, até que desse 16h.

Porém, por coincidência, o Will da Agência Águas Turismo estava lá e nós conseguimos uma carona com ele, voltando mais cedo para o hotel. De quebra, ainda passamos no Parque Ecológico do Rio Formoso e conhecemos o espaço.

Mas, fique sabendo que se você for de transporte compartilhado para essas três atividades (Buraco, Rio da Prata e Lagoa) e for fazer apenas uma no período da manhã, o usual é que você tenha que esperar até por volta das 16h para retornar. Veja isso direitinho com sua agência.

À noite, jantamos no restaurante Encontro das Águas, que fica no hotel Águas de Bonito.

Dia 6

De transporte compartilhado com a Vanzella Transportes, fomos para o município de Bodoquena, a 70 km de Bonito, para conhecer as Cachoeiras Serra da Bodoquena. É um passeio de dia inteiro. Durante a manhã, fizemos uma trilha guiada e visitamos as cachoeiras. Almoçamos lá (comida gostosa!) e durante a tarde os visitantes podem usufruir da estrutura do local (piscina e balneário). Retornamos para Bonito às 16h. Jantamos no restaurante do hotel.

Passeio de dia inteiro para as Cachoeiras Serra da Bodoquena, a 70 km de Bonito.

Cachoeiras Serra da Bodoquena

Dia 7

Dia radical! De manhã fomos para o Hotel Cabanas, a 6 km do centro de Bonito, onde tínhamos duas atividades agendadas: arvorismo, às 8h, e boia-cross, às 10h. O arvorismo é superbacana, tem 18 estações de diferentes níveis de dificuldade, entre 4 e 15 metros de altura. No final há duas tirolesas, sendo uma aquática, opcional.

Localizado a 6km do centro de Bonito, o Hotel Cabanas tem o arvorismo como atividade aberta a não-hóspedes.

Eu arrasando no arvorismo. Foto: Nando Molossi/Hotel Cabanas

No Boia-Cross, descemos o rio em boias individuais por 1200 metros, encarando pequenas cachoeiras e corredeiras. Dura, aproximadamente, 40 minutos dentro do rio (mais uns 20 de preparação).

Localizado a 6km do centro de Bonito, o Hotel Cabanas tem o boia-cross como atividade aberta a não-hóspedes.

Eu, feliz da vida e tentando controlar o medo no boia-cross. Foto: Nando Molossi/Hotel Cabanas

Voltamos para o hotel, onde almoçamos e descansamos até às 15h30, quando fomos, a pé, para a Trilha Boiadeiras, para andar de quadriciclo.

Quadriciclo do Trilha Boiadeiras, em Bonito. Quase 7 km pilotando um quadriciclo por trilhas com diferentes obstáculos.

De lá fomos a pé para o centro, onde comemos no Pastel Bonito e depois voltamos para o hotel.

Dia 8

Deixamos a manhã do último dia para aproveitar ainda mais o hotel, que tem uma estrutura muito boa! Relaxamos na piscina e no spa!

Spá do Hotel Àguas de Bonito, uma excelente opção de hospedagem em Bonito (MS).

Relaxando no spa do Hotel Águas de Bonito.

Ainda tivemos uma grande gentileza da Ana Paula da Agência Águas Turismo. Pretendíamos almoçar no hotel antes de irmos para o aeroporto, mas, excepcionalmente, a cozinha estava fechada para faxina naquele dia.

Ana Paula, então, nos levou de carro até o centro, para que pudéssemos almoçar, e depois nos buscou.

Já tínhamos ficado supergratas, mas, sabendo o que aconteceu conosco depois, durante a viagem de volta, vimos agora o quanto essa gentileza foi útil e providencial, pois só fomos comer um pão às 18h50!

Resumão do roteiro original

Dia 1 – Chegada. Noite no Projeto Jiboia*

Dia 2 – Cachoeiras da Estância Mimosa, com almoço. Retorno à tarde. Noite no Taboa Fábrica de Encantos. Jantar no Taboa Bar.

Dia 3 – Manhã nas Grutas de São Miguel e Gruta do Lago Azul. Tarde na Nascente Azul (flutuação). Jantar no Vício da Gula

Dia 4 -Manhã no Buraco das Araras. Tarde no Recanto Ecológico Rio da Prata (flutuação), com almoço. Jantar do Juanita Restaurante

Dia 5 – Manhã flutuação na Lagoa Misteriosa, com almoço após. Tarde conhecendo e descansando no Recanto Ecológico Rio da Prata*. Jantar no Encontro das Águas.

Dia 6 – Dia inteiro nas Cachoeiras Serra da Bodoquena, com almoço. Jantar no Encontro das Águas.

Dia 7 – Manhã no Hotel Cabanas (arvorismo e baia-cross). Almoço no Encontro das Águas. Tarde com passeio de quadriciclo no Trilha Boiadeiras. Jantar no Pastel Bonito.

Dia 8 – Aproveitar o Hotel Águas de Bonito e retorno.

* Houve mudanças, como vocês viram no texto, mas era essa a ideia.

Gostou? Salve no Pinterest e consulte sempre que quiser:

Nosso roteiro de 8 dias em Bonito. Como organizamos nossas atividades com flutuações, grutas, cachoeiras e aventura!


Nossa viagem a Bonito contou com o apoio e organização da Agência Águas Turismo, Hotel Águas de Bonito e Bonito Convention & Visitors Bureau, além da colaboração de diversos parceiros. Entretanto, temos garantida nossa total liberdade editorial, isto é, tudo o que publicamos aqui reflete a nossa real experiência, independentemente de parcerias. Transparência é nosso compromisso principal com nosso leitor.

Receba as novidades do blog no seu e-mail:  
Programando sua viagem?
Utilize nossos parceiros. Você não paga nada a mais por isso, mas a gente ganha uma pequena comissão. Se o blog te ajudou de alguma forma, é uma maneira de nos ajudar a mantê-lo.

Reserve hotéis no Booking: A maioria das acomodações não pede pré-pagamento e permite cancelamento gratuito.
Alugue um carro na Rentcars: Cote em dezenas de locadoras, parcele em até 12 vezes e pague em reais, mesmo para aluguel no exterior.  

4 comentários em “Roteiro de 8 dias em Bonito

  1. Olá! Estamos indo para Bonito em 01/07/17, e gostaria que você me informasse sobre passeios : Gruta do lago azul, Estância Mimosa, flutuação no Rio Prata e andar de quadriciclo. Qual passeio gostou mais, qual gostou menos e pq? Obrigada!! Fico no aguardo.

    • Oi, Jê.
      São categorias de passeio totalmente diferentes: gruta, cachoeira, flutuação e aventura.
      Mas, se eu tivesse um dia só em Bonito e tivesse que escolher apenas dois passeios, faria a flutuação e a gruta, porque passeio de quadriciclo e cachoeiras nós temos em outros destinos, mas Rio da Prata e Gruta do Lago Azul só lá.
      Vamos publicando outros artigos aos poucos, mas para você já saber mais, dá uma olhada no nosso Instagram e Facebook, que estamos postando muita coisa de Bonito por lá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Theme developed by TouchSize - Premium WordPress Themes and Websites
shares

RECEBA AS NOVIDADES NO SEU E-MAIL

Inscreva-se na nossa newsletter! São só dois ou três e-mails por mês e não mandamos spam!
Seu Email
Secure and Spam free...
"Customized Theme" by: AZEVEDO.MEDIA