Página inicial / Alcântara / Maranhão: roteiro de 10 dias por São Luís, Alcântara e Lençóis Maranhenses

Maranhão: roteiro de 10 dias por São Luís, Alcântara e Lençóis Maranhenses

Roteiro de 10 dias para conhecer São Luís, Alcântara e Lençóis Maranhenses, com pernoite em São Luís,Barreirinhas e Atins.

A viagem para o Maranhão foi inesquecível! Vimos paisagens magníficas, conhecemos pessoas e histórias incríveis e tivemos experiências que ficarão para sempre em nossa memória. Foram 10 dias de viagem, o que representou oito dias inteiro, que dividimos entre São Luís, Alcântara e Lençóis Maranhenses, sendo que nos Lençóis pernoitamos em Barreirinhas e Atins e fizemos um bate-volta para Santo Amaro.

Veja como montamos nosso roteiro:

Dia 1 – Chegada em São Luís

Nosso voo chegou à noite em São Luís, então não deu tempo de fazer nada neste dia. Só fomos para o Hotel Bristol Express e descansamos.

Leia também: Onde ficar em São Luís: Hotel Bristol Express

Dia 2 – Bate-volta para Alcântara

Fizemos um passeio de dia inteiro na cidade histórica de Alcântara, que fica a uma hora e 40 minutos de barco de São Luís. Você verá todos os detalhes desse passeio em um próximo post.

Alcântara é uma cidade histórica que fica a 1 hora e 40 minutos de barco de São Luís, no Maranhão. Em um dia inteiro dá para conhecer o básico da cidade, que tem um centro histórico bem preservado.

Dia 3 – Ida para Barreirinhas e Circuito Lagoa Azul

Às 7h30, o ônibus da Fanttur nos pegou no Hotel Bristol Express para irmos a Barreirinhas (pagamos R$ 70,00 por pessoa, em julho de 2017).

Passamos em outros hotéis e às 8h10 pegamos a estrada para percorrer os 250 quilômetros que separam Barreirinhas de São Luís.  Às 10h paramos para lanche por 20 minutos no município de Morros e às 12h30 chegamos à Pousada Paraíso dos Lençóis, onde ficamos hospedados.

Como às 14h já tínhamos passeio, procuramos um self-service para comermos bem rápido. Fomos a um que fica em frente à Caixa Econômica Federal, mas estava lotado, não tinha lugar para sentar e nem pratos limpos.

Voltamos e fomos ao restaurante mais próximo da pousada, o Terral, e escolhemos a refeição perguntando o que ficaria pronto mais rápido: carne de sol com mandioca frita – muito gostoso.

Pontualmente, às 14h, o carro chegou para nos pegar para o primeiro passeio: o Circuito Lagoa Azul. De Barreirinhas até o lugar onde é permitido estacionar, dentro do Parque Nacional, gastamos cerca de uma hora. Lá nos Lençóis (que é uma coisa maravilhosa mesmo) não há banheiros nem lanchonete. As agências disponibilizam caixa térmica para que os visitantes guardem água mineral. Quando chegamos ao ponto em que os carros param, todos retiram suas garrafas e colocam nas mochilas. Vimos pos lá apenas dois ambulantes vendendo picolé.

Este Circuito Lagoa Azul engloba a Lagoa dos Toyoteiros,  Esmeralda, Preguiça, da Paz, do Peixe e Azul. as paradas para banho foram na Azul e Preguiça, ao menos para o nosso grupo. Quem vai À tarde, como nós, fica até o sol se pôr.

O Circuito Lagoa Azul é um dos passeios que podem ser feitos no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Circuito Lagoa Azul

Chegamos à pousada às 19h. Estávamos muito cansados e apenas pedimos sanduíches em uma lanchonete que fazia entregas.

Dia 4 – Circuito Lagoa Bonita

Pela manhã, descansamos na pousada e fomos almoçar no restaurante self-service que havíamos tentado ir no dia anterior – comida ok. Acho que o nome é B’sL

Às 14h, o carro estava na pousada para nos pegar para o Circuito Lagoa Bonita, que conseguiu ser ainda mais incrível  que o Circuito Lagoa Azul, mas tem grau de dificuldade muito mais elevado.

Também ficamos até o pôr do sol.

Na subida para a Lagoa Bonita, há um quiosque que vende bebidas e tapiocas.

À noite, fomos jantar no Restaurante Terral.

O Circuito Lagoa Bonita é um dos passeios que podem ser feitos no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Circuito Lagoa Bonita

Dia 5 – Bate-volta para Santo Amaro

Santo Amaro é outro município que também tem os Lençóis Maranhenses como parte de seu território. Antigamente era bem complicado fazer bate-volta partindo de Barreirinhas, pela dificuldade de acesso, mas, agora, com a pavimentação da estrada, nós gastamos 2 horas – e este tempo tende a diminuir quando as obras forem concluídas.

Diferentemente dos outros passeios em que havia um guia e um motorista, neste havia um só condutor que fazia as duas funções. Ele nos pegou na pousada às 8h30, passamos em outras pousadas, paramos para comprar gelo e às 9h pegamos estrada. Chegamos ao Parque Nacional às 11h.

Paramos para banho em duas lagoas, a da Gaivota (40 minutos) e da Andorinha (1 hora e meia).

Santo Amaro é uma das cidades que tem o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses em seu território.

Santo Amaro

Almoçamos no restaurante do gordo e retornamos às 15h50. O almoço costuma ser tarde, leve bastante lanche.

A comida do Gordo era gostosa, mas cara e tinha muito mosquito.

Dia 6 – Passeio de Voadeira por Vassouras, Mandacaru e Caburé e ida para Atins

Fomos de lancha “voadeira” com o excelente senhor Edilson. O passeio regular é parando em Vassouras, Mandacaru e Caburé, retornando para Barreirinhas ao final da tarde. Porém, negociamos ficar em Atins, que está bem próxima a Caburé – talvez uns dez minutos de barco. Assim, após o almoço no Cabana do Peixe, em Caburé, o senhor Edilson nos deixou em Atins e depois retornou para Caburé, para levar o grupo de volta para Barreirinhas.

Vassouras, em Barreirinhas, nos Lençóis Maranhenses.

Vassouras

Farol de Mandacaru, visto do rio Preguiças

Farol de Mandacaru, visto do rio Preguiças

Chegando em Atins, um quadriciclo da Pousada Jurará nos aguardava. Deixamos as coisas na pousada, demos uma volta na vila, compramos umas coisinhas na venda e lanchamos no Sebastian Bar.

Dia 7 – Canto do Atins e Revoada de Guarás

Atins faz parte do que é conhecido como “Pequenos Lençóis”. Saímos da pousada pela manhã e passamos por algumas lagoas, mas paramos para banho na da Capivara, que é linda e cheia de peixinhos.

Canto do Atins, que faz parte dos Pequenos Lençóis, no Maranhão

Canto do Atins

Na volta passamos rapidamente pela praia, e paramos para almoço no Restaurante do Antônio.

Camarão do Antônio, em Atins (Lençóis Maranhenses).

Camarão do Antônio

Voltamos para a pousada, descansamos um pouco e às 16h30 estávamos prontos para o outro passeio: ver a revoada de guarás no pôr do sol.

Revoada de guarás em Atins, Lençóis Maranhenses.

Revoada de guarás no final da tarde

À noite, fomos jantar no Rancharia.

Dia 8 – Atins e retorno para Barreirinhas

Pela manhã fomos à praia em Atins.

Almoçamos no Restaurante do Rico e às 14h a lancha que nos levaria de volta a Barreirinhas nos pegou no porto de Atins. Voltamos para a Pousada Paraíso dos Lençóis, chegando lá por volta das 16h. À noite, fomos passear na Beira-Rio e jantamos no Restaurante Jacaré.

Dia 9 – Retorno para São Luís e  city tour pelo centro Histórico

Voltamos para São Luís com o Paulinho Tur, de van.  O Paulinho nos pegou na pousada às 8h30, passamos em outros lugares para pegar mais passageiros e às 9h pegamos estrada. Fizemos uma paradinha de 20 minutos em Icatu e chegamos no Hotel Stop Way, em São Luís às 13h30.

Como nosso city tour seria às 14h30, comemos na lanchonete do hotel mesmo – pizza congelada ruim e hot pocket.

Fizemos um city tour excelente com o guia Nelito, das 15h às 18h.

Centro Histórico de São Luís

Centro Histórico de São Luís

Dia 10 – São Luís e retorno para casa

Pela manhã apenas demos uma volta na praia. À tarde voltamos para Belo Horizonte.

Resumo do roteiro de 10 dias

Dia 1 – Chegada – descanso no hotel

Dia 2 – Bate-volta para Alcântara

Dia 3 – Ida para Barreirinhas pela manhã. À tarde, Circuito Lagoa Azul.

Dia 4 – Manhã livre. À tarde, Circuito Lagoa Bonita. Jantar no Restaurante Terral.

Dia 5 – Bate-volta para Santo Amaro.

Dia 6 – Passeio de voadeira por Vassouras, Mandacaru e Caburé. Chegada a Atins.

Dia 7 – Passeio Canto do Atins pela manhã. À tarde, passeio da Revoada dos Guarás.

Dia 8 – Atins pela manhã. Retorno para Barreirinhas à tarde.

Dia 9 – Retorno para São Luís pela manhã. À tarde, city tour.

Dia 10 – Manhã livre. À tarde, retorno

Gostou? Salve no Pinterest e consulte sempre que quiser:

Roteiro de 10 dias no Maranhão, para conhecer São Luís, Alcântara e os Lençóis Maranhenses. Pernoitamos em São Luís, Barreirinhas e Atins e fizemos um bate-volta até Santo Amaro.

Compartilhe com seus amigos!

Receba as novidades do blog no seu e-mail:  
Programando sua viagem?
Utilize nossos parceiros. Você não paga nada a mais por isso, mas a gente ganha uma pequena comissão. Se o blog te ajudou de alguma forma, é uma maneira de nos ajudar a mantê-lo.

Reserve hotéis no Booking: A maioria das acomodações não pede pré-pagamento e permite cancelamento gratuito.
Alugue um carro na Rentcars: Cote em dezenas de locadoras, parcele em até 12 vezes e pague em reais, mesmo para aluguel no exterior.
Compre Seguro Viagem com a Seguros Promo:  Compare preços e planos em mais de 10 seguradoras. Viaje com assistência médica e odontológica, seguro bagagem e atendimento 24h! Usando o código MINEIROS5 você tem 5% de desconto!
 

Um comentário em “Maranhão: roteiro de 10 dias por São Luís, Alcântara e Lençóis Maranhenses

  1. Pingback: Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses: o Circuito Lagoa Azul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Theme developed by TouchSize - Premium WordPress Themes and Websites
shares

RECEBA AS NOVIDADES NO SEU E-MAIL

Inscreva-se na nossa newsletter! São só dois ou três e-mails por mês e não mandamos spam!
Seu Email
Secure and Spam free...
"Customized Theme" by: AZEVEDO.MEDIA