Página inicial / Amazonas / Museu da Amazônia: caminhando pela Floresta em Manaus

Museu da Amazônia: caminhando pela Floresta em Manaus

museu da amazonia

Já que eu ia a Manaus, eu tinha que pisar na Floresta Amazônica. Na minha ida a Rio Branco, não tive a oportunidade de pisar na floresta original, só em área de reflorestamento.

Eu queria a floresta de verdade. Pesquisei e descobri o MUSA, Museu da Amazônia, que é uma área aberta ao público na floresta original. Supimpa! Ali eu poderia andar na floresta e subir em uma torre de 42 metros de altura para contemplar o tapetão verde.

museu da amazonia

O problema era a distância. Bem longe do Centro, descobri que o táxi ficaria entre R$80,00 e R$100,00. Mas há ônibus que param na porta. Como estávamos perto da av. Getúlio Vargas, pegamos o 448 e descemos em frente ao MUSA.

Você descobre as outras linhas aqui

O ônibus rodou bastante e para falar a verdade, eu até achei legal, pois deu para ver outros bairros da cidade. Passamos pela Arena da Amazônia e pelo Distrito Industrial e chegamos ao nosso destino com uma hora. Era fim de semana e o trânsito estava livre. No meio da semana, a estimativa é de 90 minutos para ir do centro até o museu.

Olhem a vista área. O MUSA está na periferia da cidade, bem na porta de entrada da floresta firme (na floresta alagada nós fomos também e já contamos aqui). Eu iria entrar na Amazônia de verdade!

Chegando lá assinamos o livro de visitas na portaria e fomos encaminhados para um tenda, onde compramos os ingressos. Por R$30,00 a inteira podemos fazer tudo o que o MUSA oferece (nos fins de semana. Meio de semana é mais barato, veja no fim do post). Se não quiser subir na torre, paga-se menos.

Ali na tenda, você já agenda o horário da trilha e da torre e recebe uma pulseira de identificação com o horário combinado. No dia em que fomos estava tranquilo, mas se for época de temporada, é bom agendar logo.

Enquanto o horário marcado não chega, podemos olhar as exposições da vez. Uma era na tenda da entrada, e não me lembro mais o nome, mas havia pedaços de cerâmica indígena, animais de madeira e duas folhas gigantes de Sterculia excelsa.

musa

A outra era em uma grande maloca e se chamava Peixe e Gente, com vários objetos feitos pelos índios, muitos deles relacionados à pesca. Animais pendurados no teto ilustravam painéis.

Maloca

Maloca

museu da amazonia

museu da amazonia museu da amazonia museu da amazonia


musa

musa

Falando em painéis, alguns mostravam lendas da região, como a estranhíssima lenda do Diabo sem cu. É isso mesmo que você leu.

diabo sem cu

Clique nas fotos abaixo para ler a lenda completa.

Do lado de fora da maloca havia também vários tipos de cipó e de bambu e outros instrumentos feitos por índios.

museu da amazonia museu da amazonia cipós

Em duas estufas atrás da maloca funcionam um bromeliário e um orquidário.

orquidario orquidario

Na hora combinada, o ótimo guia Rodrigo chegou para nos buscar. Durante a caminhada na floresta, ele vai dando explicações sobre fauna e flora.

trilha musa

teia de aranha

Teia de aranha fantástica

raiz

A segunda parte foi a subida à torre. Esqueci quantos degraus são, mas são 42 metros! Há duas paradinhas intermediárias para um breve descanso antes de chegarmos ao topo, a parada final. Lá de cima, temos uma vista espetacular. De um lado, o verde some de vista. Vimos uma chuva se formar ao longe e ser levada pelo vento. Do outro lado, vemos a cidade por trás das árvores.

torre musa

Vista lá de baixo

Vista lá de baixo

Paradinha para descansar

Paradinha para descansar

Vista lá do alto

Vista lá do alto

musa museu da amazonia museu da amazonia

musa museu da amazonia

Voltamos pela mata até o serpentário. São dois viveiros maiores com cobras adultas. Em uma casa, vários viveiros com cobras pequenas.

serpentario serpentario

Passamos por um aquário com grandes e bonitos peixes e depois fomos para um lago com vitórias-régias.vitória-regia

Mesmo sendo longe, estando muito calor e nós já termos chegado ao local suados, o passeio vale muito a pena. É muito interessante e muito emocionante você pensar que está andando em meio às árvores da maior floresta tropical do mundo.

Vá com roupas leves e com calçados fechados. É recomendado também não usar roupas de cores berrantes, que possam interferir de algum modo na tranquilidade do ambiente.

MUSA – Museu da Amazônia
Site oficial: www.museudaamazonia.org.br
Avenida Margarita (antiga Uirapuru), s/nº, bairro Cidade de Deus, Manaus – AM
Telefone: (92) 3582-3188
Horário: Terça a domingo, das 9h às 17h (o portão de entrada fecha às 16h)

INGRESSOS: (inclui visitas guiadas a trilhas,viveiros experimentais e exposições)
Terça-feira (exceto feriado): grátis
Quarta a sexta-feira (exceto feriado) R$ 8,00 inteira – R$ 4,00 meia
Sábado, domingo e feriado R$ 10,00 inteira – R$ 5,00 meia

INGRESSO + SUBIDA NA TORRE
Terça-feira (exceto feriado) R$ 16,00 inteira – R$ 8,00 meia-entrada
Quarta a sexta-feira (exceto feriado) R$ 24,00 inteira – R$ 12,00 meia-entrada
Sábado, domingo e feriado R$ 30,00 inteira – R$ 15,00 meia-entrada

Idosos e estudantes pagam meia

musa museu da amazonia

Compartilhe com seus amigos
Receba as novidades do blog no seu e-mail:  
Programando sua viagem?
Utilize nossos parceiros. Você não paga nada a mais por isso, mas a gente ganha uma pequena comissão. Se o blog te ajudou de alguma forma, é uma maneira de nos ajudar a mantê-lo.

Reserve hotéis no Booking: A maioria das acomodações não pede pré-pagamento e permite cancelamento gratuito.
Alugue um carro na Rentcars: Cote em dezenas de locadoras, parcele em até 12 vezes e pague em reais, mesmo para aluguel no exterior.
Compre Seguro Viagem com a Seguros Promo:  Compare preços e planos em mais de 10 seguradoras. Viaje com assistência médica e odontológica, seguro bagagem e atendimento 24h! Usando o código MINEIROS5 você tem 5% de desconto!
Compre ingressos e passeios com um de nossos parceiros: Tiqets  ou Get Your Guide.   Fuja da fila já chegando com seu ingresso na mão!
 

Um comentário em “Museu da Amazônia: caminhando pela Floresta em Manaus

  1. Pingback: Os mirantes de Ouro Preto – 8 lugares para ver a cidade de cima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Theme developed by TouchSize - Premium WordPress Themes and Websites

Assine nossa newsletter

Receba um e-mail mensal com a relação dos posts publicados no mês e outras novidades!
Seu Email
Secure and Spam free...
"Customized Theme" by: AZEVEDO.MEDIA